terça-feira, 20 de dezembro de 2022

Eu sou,a voz do meu senhor
Eu posso ser tudo que quero ser
Eu tenho a força de co-criador
O que vem de dentro
Espelha todo o meu ser

Eu penso e crio
Noites quentes
Dias frios
Sou apenas eu
Vivendo os desafios

Demorei tanto para compreender
Hoje aceito o que pedi
Sei que de algum modo
Tudo se torna possível

Não há segredos
Afasto as más emoções
Atraio tudo que acredito 


Valdelice Nunes
Campinas, SP
Dezembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune



quarta-feira, 14 de dezembro de 2022

Expressão



Não vou mais escrever
Não quero descrever o batido 
nem o óbvio 
Sem eufemismos sem neologismos 

Não quero escrever versos decassílabos ou quadrinhas  
Isso não é estimulante 
nem me desafia

Chega de métrica e rima
Cansei dessa coisa de versar

Agora vou pintar cada impressão que a vida me dar
Cada técnica de pigmentação
Cores quentes ou monocromias 
irão compor melodias 

Fria? Acha que estou sendo fria?
Nada disso,o sangue que percorre minhas veias e faz pulsar a vida
Diz que devo deixar de imaginar
Poesia é vida
Deixei de escrever
Coisas sem sentido
Poesia é mergulhar no desconhecido 
e se arriscar…

Sei que nem todos compreenderão minha técnica
Porém,agora,estou liberta dessa ditadura literária
Como posso escrever sobre desfazer
 as amarras,se estou cativa?

Chega de escrita metrificada
Chega desse domínio gramatical
Escrever é trazer o íntimo para fora
A Literatura tem tantos dialetos
Não vou ser fiel ao que rege 
à escrita oficial!
Nem usarei licença poética.



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Dezembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune

sexta-feira, 9 de dezembro de 2022

Fio condutor



Seus sussurros me deixam sem defesas
Palavras de feitiço
Invadem os recantos mais
 íntimos da alma
O som de sua voz se propaga
 e me leva aos labirintos do amor
Ainda não compreendi o que você faz comigo 
Mas quero sentir cada delícia 
dessa perda dos sentidos.


Valdelice Nunes
Campinas, SP
Dezembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune

quinta-feira, 1 de dezembro de 2022

Um Novo Tempo


Mesmo sabendo que não viria
Todos os dias fui invadida pela saudade e pela certeza de que de algum modo,comigo estaria.
Ah,nem precisava olhar o relógio…a gente nunca marcou o encontro. Ele apenas acontecia. Num outro espaço,sem tempo correndo. Para o amor não há tempo,se tem verdade nos sentimentos.
Eu sabia,te sentia. Você nada dizia.
De um modo incomum a gente se unia.
Sem palavras,sem cobranças,sem falsas esperanças.
Ainda há tempo para tantas coisas,ainda há vida pulsando aqui dentro,tivemos o nosso momento.
O amor gravita entre dimensões,não precisamos vibrar no sofrimento.



Crônicas: Aquele Olhar 
Valdelice Nunes
Dezembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune

sexta-feira, 25 de novembro de 2022

estranho...


Aquilo era mesmo estranho,não saber quem era aquele estranho que outrora dividiu dias coloridos comigo.
Havia algo nele inacessível. Me perguntava desde quando o olhei assim.
O olhar dele causa estranheza. Alguém com quem vivi anos e anos,sem saber quem era aquele que mirava o outro lado da rua. Alguém que nadou comigo em correntezas,agora olhava o céu cinza e entre as pessoas na rua desaparecia…



Crônicas: Aquele Olhar 
Valdelice Nunes
Novembro/2022

segunda-feira, 21 de novembro de 2022

Níveis de Consciência

Enquanto
a cor da pele importar
O cabelo,o reflexo além do espelho
o lugar onde mora
e a classe social pesar
O grau de instrução
a profissão…as crenças e a religião separar,

não haverá vitórias nem o que celebrar.

DATA e + datas 
meras cortinas de fumaça
É melhor observar direito
ser livre tem um preço
 Estamos nos deixando acorrentar.




Valdelice Nunes
Campinas, SP
Novembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune


quarta-feira, 16 de novembro de 2022

DO TERRAÇO


Da varanda observo
os servos inconscientes se autodestruirem.
Vejo fome,dor,lamento. Gente descontente que aprendeu a fazer de conta que está feliz.
Andando errante,vivendo sem saber porquê. Dizendo sim sem questionar,acreditando que o que está ruim não pode piorar.
Olho e me entristeço,no fundo o povo sente que não era para ser assim. Por mais que se esforce,a coisa continua muito ruim.
Mas por medo permite os flagelos. Desconhecendo os significados do verde,azul,amarelo e branco. Entoando a letra do mais lindo hino,afogando milhões de prantos.
Essa gente ainda não sacou que a sacada é adestrar, é mutilar,fazer a massa trabalhar para sustentar aqueles que os mantém na rédea curta.
Onde estão todos aqueles que dizem não fugir da luta?
Gente,acorde para a grande missão!
Chega de viver essa aceitação, é hora de cortar os elos da ilusão!
O universo é o berço comum,esta terra é direito de cada um de nós.
Que pátria é essa que acorrenta e polariza?
Terra idolatrada que não salva,mas silenciosamente,diz que salve-se quem puder.
Não é para todos as suas riquezas. Mesmo sendo tão abundante a nossa gentil natureza.
Vejo tudo aqui no terraço,aprendam a lutar pelo espaço que já conquistaram…chega de controle!
Cidadãos livres são conscientes dos direitos que têm. A terra é um bem comum. Nela todos devem ser prósperos.
Desperte para sua missão,entenda que em tudo há propósito!
É urgente acabar com a alegria daqueles que se fazem "donos do pedaço".



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Novembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune



sexta-feira, 11 de novembro de 2022

Molhada de mim

Segredos
confesso à chuva
Ela não censura
não me recrimina
As lágrimas rolam
se misturam…
Dançamos juntas
oferecendo tudo que tenho
para que seja carregado
pelos ventos 
Confesso cada tormento
ela sabe que sou sincera
Louca e honesta 
Molhando as incertezas
aprendendo a beleza
de ver através do que sinto
Não importa o que dizem
ela sabe e chora comigo



Valdelice Nunes
in Esboços Subtraídos
Campinas, SP 
Novembro/2022
*imagem* Pinterest 

#Jøfráseø_Editora


quarta-feira, 9 de novembro de 2022

ENTRE MUNDOS



Teus olhos contemplam a noite
dentro da caverna
Meus olhos apreciam o amanhecer
fascinada com a poesia em cores
Deitada na relva
germina pensamentos
que não governo

Sou manhã e tu anoiteces
O sono aos poucos te domina
Pousa em ti a escuridão
A mente jaz no esquecimento

Agora nada somos
E,num portal do espaço,nos tocamos
Numa dimensão onde não há tempo
Não há sombras na caverna
que abriga as nossas ilusões

Aii de nós…os nós foram desfeitos!
Aii de mim…presa ao desejo de fugir!




Valdelice Nunes
Campinas, SP
Novembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune

sexta-feira, 28 de outubro de 2022

Mirava-se


Na frente do espelho
Mirava linhas do tempo
Escritas pelo corpo
Registros de tantas Histórias
Muitas escondidas nos cantos inacessíveis da memória
Trajetórias de glórias e inglórias

Linda, atraente,inofensiva…
Pontos de partidas
Para outras fases da vida
No corpo e na mente
Desejos latentes

Na frente do espelho
Ninguém ouvia seu desespero
Ninguém podia contemplar
A mulher além do corpo
Nem sentir aqueles gostos
Que ela mesma
não ousava experimentar

Ignorava conselhos
Não podia mais sentir dor
Sabia das consequências
O currículo elencava experiências 
Recusava desventuras
Na frente do espelho
Refazia sua postura





Valdelice Nunes
Campinas, SP
Outubro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune

sábado, 22 de outubro de 2022

••••••


Somos
Força da criação
Entrelace de pernas
Bocas imersas em águas cálidas
Torrentes de cheiros entorpecentes
Corpo dormente
Sons que inflamam
A materialização das vontades
A certeza desse querer
O silêncio que diz
Tudo que não ouso dizer



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Outubro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora

https://www.facebook.com/Valdelicenune

domingo, 16 de outubro de 2022

=======

Desejos adormecidos
Agora surgem como as suas mãos fazendo meu corpo estremecer
Tudo parece se confundir
Ansiando meu coração 
junto ao seu bater

Parece insano
O que sinto aumenta de tamanho
Quanto mais distante fico de você 
Céus,vou perder as estribeiras!
Meu corpo virou uma fogueira
As línguas desse fogo
Estão a me consumir
Nessa combustão induzida
Deixo-me seduzir
Totalmente possuída 



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Outubro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune


terça-feira, 11 de outubro de 2022

#MERLIX_Raios do dia


Fiquei a ver o dia em tons degradê
Estiquei meu corpo suada
Adicionei um novo tempero
Cuidadosa ajeitei,na mesa,o buquê
Lembranças me deixou atormentada
Ali sozinha no formigueiro.

Vivi um delicioso fuzuê
Tremi sobre a mesa alongada
Sentindo seu olhar fagueiro.

Ali sozinha no formigueiro 
Lembranças me deixou atormentada
Cuidadosa ajeitei ,na mesa,o buquê
Adicionei um novo tempero
Estiquei meu corpo suada
Fiquei a ver o dia em tons degradê 

Sentindo seu olhar fagueiro
Tremi sobre a mesa alongada
Vivi um delicioso fuzuê 



MERLIX ESTILO POÉTICO
CRIADO POR MERLIN MAGIKO

Valdelice Nunes
Campinas, SP
Outubro/2022
•imagem• Pinterest

#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune

terça-feira, 4 de outubro de 2022

Afastamento Pessoal (10)


Agora tudo começa a clarear
Tudo faz muito sentido
Todos os sentidos estão a aflorar

Ativando as comunicações
Confirmando as sensações
Que giram entre constelações

A cabeça ja não gira tanto
As dores agora podem partir
Levando cada frustração

O corpo está se (re) ajustando
Se programa desprogramado
Posso sentir cada célula vibrar

Todas as percepções sensoriais
Querem reviver
Não adianta mais esconder
As influências da sincronização

O corpo se permite conduzir
Na dança que modula as frequências 
Se deixa envolver e expandir

O sofrimento ainda é fruto
Das imposições dos padrões
Ainda não se concluiu a lição
Que gera libertação

Está próxima a hora de florir
Entre os espinhos
Se abrir para a noite
 e perfumar novos caminhos 


Valdelice Nunes
Campinas, SP
Outubro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune


domingo, 25 de setembro de 2022

A ARTE E O ARTISTA


O artista (escritor) tem como instrumento a palavra,seja ela falada,cantada ou escrita.
Ela é o signo que representa os sentimentos,serão eles quem se comunicarão com a subjetividade do leitor. Envolvendo-o e convidando-o a mergulhar na proposta do artista.
Isso cria inúmeras sensações,a intenção é mesmo provocar reações.
Porque enquanto se ler acontece perguntas que podem ser respondidas ou não no texto.
As respostas podem surgir pela inferência e pela conclusão sobre o que já se conhece do assunto,e também pela pesquisa. Levando-o a saber mais fundo do assunto.
No processo de criação o artista sai de si mesmo. Permite-se ser outra pessoa,se transmuta em lugares, eras,emoções… Recriando o real e o abstrato.
De modo que sua própria compreensão rompe barreiras e vai além do inatingível fisicamente.
Transitando por dimensões do próprio eu,rebela-se contra tudo que conhece. E parte na busca de lembranças daquilo que talvez nunca viveu ou realizou. A escrita o faz livre. No seu mundo criativo não há limites ou dogmas.
Assim é possível acontecer a alquimia das cores,texturas,sabores,dos sons e olores. Tudo se mistura e se transfigura numa "tela" com forma,volume e profundidade.
E nela serão lidos uma teia de sentimentos que não alcançarão todas as realidades.
Nem todos estarão espiritualizados para essa conexão íntima com a escrita. Sobretudo,aqueles mais dogmáticos.
O grande desafio do artista é fazer-se compreender por meio de sua linguagem e pensamento codificado.
Pois toda arte é uma forma de comunicação,não importa o meio de expressão apresentada.
A arte se comunica com todos. Contudo,cada um absorverá de uma forma. A isso,alguns chamam de interpretação.
Um exemplo,todos podem desenhar um barco. Partindo de um modelo pré-estabelecido ou das lembranças dele na mente.
O resultado será a interpretação individual das pessoas que se permitiram recriar o barco.
Alguns resultados podem chocar, outros encantar e outros não dizer absolutamente nada para o sujeito observador.
O mesmo acontece com a arte escrita. Cada leitor terá sua própria observação da produção literária que tem em mãos ou na tela de um dispositivo.
A ficção é um simulador de realidades,que pode assustar até os mais íntimos dela.
O artista pode ser produto da arte,mesmo que seja ele a produzi-la.
Falando nisso,há artistas que produzem arte e há outros que são meros replicadores,esquecendo de que são sujeitos livres com sua intuição criativa.



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Setembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora



https://www.facebook.com/Valdelicenune

quarta-feira, 21 de setembro de 2022

Perigeu



Elipses em torno de mim
Orbitando entre sentidos inacessíveis
Elipticamente confusos
Surge a superlua
Seu brilho exerce fascínio
Iluminando todo o céu
Na poça d'água da rua
Um barquinho de papel 
flutua
Dentro de mim sentimentos
 em desuso 
Se vão como as noites
 de lua cheia
Enquanto as certezas, minguam dentro de mim.



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Setembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora

quarta-feira, 14 de setembro de 2022

Universos Paralelos

O mundo poético
É um misto de realidades
Tudo (des)organizado
E de fácil acesso
No ilimitado intelecto 
Um código intuitivo
Tudo dito e não dito
Um elo visto a olho nu
Mesmo parecendo está escondido 


Valdelice Nunes
Campinas, SP
Setembro/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora

https://www.facebook.com/Valdelicenune


quarta-feira, 7 de setembro de 2022

Amo Minha Pátria


Pode até não parecer
Mas tenho orgulho de ser brasileira
Gosto de ser cada cor da bandeira

Amo cada sotaque
Cada variedade do meu país 
A beleza do nosso céu anil

Amo as nossas belezas naturais
Sou partícula de uma gente tropical
E na culinária,pratos especiais!

Somos muito além do que é mostrado ao mundo
Somos pessoas que sabem como é bom pertencer ao nosso lugar

A gente canta,dança,rir…
A gente sabe se divertir
Mesmo com as dificuldades
Impostas pelos que governam o país 

E como boa brasileira
Acredito que o cenário atual pode mudar,até já passou da hora!

A gente tem tudo para ser feliz
A nossa vida merece se transformar.



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Setembro/2022
*imagem*Pinterest
#Jøfráseø_Editora


sexta-feira, 2 de setembro de 2022

Pinceladas



A luz da vela
A tela
As pernas dele e dela
Se confundem

A língua no corpo inteiro
O relógio sem ponteiros
Marcando cada segundo

A água derramada
A toalha encharcada
Os lençóis ao chão jogados
Exalando pecado 

Os gritos sem dor
Um misto de frio e calor
A ternura que agonizou 
No desejo saciado


Valdelice Nunes
Campinas, SP
Setembro/2022
*imagem*Pinterest
#Jøfráseø_Editora

segunda-feira, 29 de agosto de 2022

Idade d'alma



ALIPE - Academia Literária Internacional de Poetas e Escritores
Acadêmica: Valdelice Nunes
Patrono: Chico Anysio
Cadeira: 141
Data: 29.08.2022
Postagem Oficial



Cronologia
Conta o tempo
mas o tempo
não domina a
alma

Minh'alma
não se prende
à linha do tempo
Ela é livre
vive cada segundo
fazendo da vida
o melhor no seu
mundo

Idade
não diz quem sou
 Nem do que quero
para a vida
Há tantas pessoas
velhas
e nem começou
a viver ainda

Idade
convenção social
que limita
e dita regras
Mas a idade
de minh'alma
contesta

Velhice?
Quem foi que disse
que é ter mais idade?
Há tantos "velhos"
que não viveu nem
um terço 
das experiências
 de muitos jovens
no começo
 da adolescência

Idade e experiência
não são sinônimos
Mas imposição
social
para lhe dizer
quando e onde
você não serve 
mais 

Mas a alma 
me diz 
do que ainda 
sou capaz




Valdelice Nunes
Agosto/2022
*imagem* arquivo pessoal 

quinta-feira, 18 de agosto de 2022

A verdeira vida

Ando descrente
Contextualize o mito da criação
Não que seja irreal
Foi apenas uma linguagem
Para falar de algo complexo 
Os mitos dizem muito além do dito
A verdade da vida no universo
Tudo ainda tão desconexo 

Se souber, explique o porquê da fé confundir... iludir 
Desunir ao invés de unir
O mundo jaz na desinformação
Conhecimentos distorcidos
Na era da informação
Tão descarada contradição

A verdade é que conhecimento é poder,cabe a cada um perceber
E buscar transformação
A desinformação mata todos os dias
Os falsos conhecimentos
Nada acrescentam nessa vida 
Cujo fim é a morte
Seria mesmo essa a nossa sorte?
Minha alma grita
Pede vida
No seio de uma sociedade
Que não produzirá a morte.



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Agosto/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora

domingo, 7 de agosto de 2022

Lá no Beco



E lá na rua de baixo,num bairro de uma cidadezinha qualquer,tem um beco esquisito e na casa amarela vive uma senhora que a toda pessoa que passa pergunta as horas.
Ela tem um gato preto que não sai da janela. Não sei quem ele tanto espera.

Na outra rua, mora quatro meninas que parece não ser tão diferente de mim e de você.
Somos adolescentes e gostamos de rir e cantar. Gostamos de colecionar bonecas de pano. E lhes batizar com lindos nomes.
Eu não apareço nesse conto. Quero dizer,não apareço tão claramente. Mas você pode ouvir minha voz. Quando ler cada linha escrita. Por isso nunca fico ausente.


Agora vou lhes apresentar minha amiguinha Vanessa,antes que eu esqueça,ela sonha ser uma linda princesa lusitana e com um beijo de verdadeiro amor transformar em príncipe um lindo sapo que canta na lagoa ao lado de sua casa.
Difícil não cair na gargalhada ouvindo ela falar toda abobalhada.

Ah,você também precisa conhecer a Iruama,ela tem um nome diferente. Gosta de postar fotos vestida com estilo.
Ela muito carinhosa, só que não deixa de lado nossas fofocas malucas.
A gente quando se encontra quase não desgruda!

E não esquecendo da nossa Edinha,ela é a casulinha. Toda linda e meiguinha. Ama estudar a Língua Portuguesa,adora música francesa que ouve nos programas de uma rádio... Num lugar chamado Morro Bento.
Não sei em qual rua fica nem se é aqui da cidade. Isso só ela sabe.
Menina muito inteligente,vive dando dicas para todas nós. Não quer ver suas amigas tirando nota baixa. Edinha é tudo de inusitada!

No finzinho da tarde, passa uma moça elegante de cinza. Lá por volta das dezoito e trinta.
E quando passa na frente da casa amarela,seu cachorro marrom fica alvoroçado. Quase que deixa a moça sem braço. Fica louco para pegar o gato preto. Todo mundo fica na porta,olhando a reação do gato e o beco se agita!
Coisa de cidadezinha,a gente fica na frente de casa e ver todo o movimento das folhas carregadas pelo vento.
A moça alta e franzina fala com autoridade ao seu cachorro marrom,sem alteração no tom voz. Ele se acalma e ambos seguem,logo todos entram e tudo se esquece.


Valdelice Nunes
Campinas, SP
Agosto/2022
*imagens* Pinterest

ALIPINHO/LITERATURA INFANTOJUVENIL
#contoparaadolescente
#gruponofacebook

sábado, 6 de agosto de 2022

Gratidão por Tudo



Não sei por quanto tempo
Vivi o tormento
Pensava que a culpa estava em mim
Penei,sofri…despertei!

Agora até te agradeço
A falta de apoio
As duras palavras
Foi assim que vi luz na estrada
Compreendi que estou seguro.

Obrigada mesmo!
Meu coração não conhece o ódio
Mas gostaria de saber
Se já doeu em ti
Por ser essa pessoa desalmada
Não foi por falta de amor
Não foi rejeição.

Tenho total certeza
Mesmo que a vida
Coisas ruins ofereça
Seremos capazes de resistir 
Apesar de qualquer tristeza.

Enfim,siga seu caminho!
Viva a sua hipocrisia
Assim foi toda a sua vida
Só viu o que quis ver.



Valdelice Nunes
in Esboços Subtraídos
Campinas, SP 
Agosto/2022
*imagem* Pinterest 

#Jøfráseø_Editora

terça-feira, 26 de julho de 2022

Parindo Versos


Parece que me refiro a algo doloroso e próprio da natureza feminina. Peço desculpa pela analogia. Mas,escrever é algo inerente ao ser humano e não se restringe ao gênero.
Quis somente expressar a beleza e a dificuldade que um poeta pode encontrar na elaboração de seus textos poéticos.
Pois, a poesia se faz presente no existir,fala por si mesma. Seja numa imagem,num simples rabisco. A mensagem está ali, implícita ou explícita.
Parir versos pode ser bastante prazeroso,tudo vai depender das habilidades e do poder de criatividade que o poeta possuir. Porque escrever é muito íntimo,apesar das técnicas de escrita utilizadas. Mesmo assim,um momento delicado para o fazedor de versos.
Recorri ao dicionário para esclarecer o significado da palavra parir. E, de acordo com o Michaelis Online (michaelis.uol.com.br): é o mesmo que dar à luz, expelir do útero,partejar,desemprenhar. É um verbo transitivo direto e indireto que trás também sentido figurado, é justamente nesse ponto que tratarei o desemprenhar dos sentimentos e das ideias. Ou seja, como os versos podem ser expelidos da mente.
No princípio são sentimentos,estes perturbam, coçam,provocam a mente. Tiram o sono,como uma espécie de demônio que se apodera do indivíduo.
Parece sumir em alguns momentos;no entanto,estão ali latentes.
E basta um olhar,uma imagem,uma palavra,um gesto... Pronto,eis o gatilho! Tudo volta de repente.
Um momento premente e também de alegria,mas as perturbações não cessam até que sejam colocadas para fora,em forma de versos.
Basta pegar papel e caneta,ou mesmo um telefone para descarregar todas as ideias. Depois disso,ler e reler. Quantas vezes for preciso.
Isso servirá para corrigir palavras,fazer substituições e rever a ordem das ideias,sua amarração.
Todo o processo pode levar dias,meses,em outros casos,somente algumas horas.
Então,os sentimentos se tornam versos e habitam o mundo poético.
Assim são paridas as ideias para se tornarem estrofes e versos de um poema.
Graças a essa capacidade de criar e de recriar,o poeta tem liberdade para compôr poesias em todas as suas formas. Ela é o "cano de escape" para falar de si mesmo e dos males da sociedade.
É dessa forma que suas "crias" poéticas recebem o sopro da vida e pelas mídias se propagam,em variados portadores de texto.
Cada poeta carrega em si a arte de emocionar,de comunicar,de interagir ao parir suas ideias,ainda que não tenham formato padrão. Isto é,poesias disformes, isso poderá ser desenvolvido noutra ocasião.
Porque ali está seu estilo,seu modo de perceber o mundo e as pessoas. Não se trata somente de agrupar palavras e versos. Não é só rimar. Embora, precise seguir o ritmo,deixar fluir o movimento para nascer o produto de sua imaginação que vai muito além da inspiração; fazendo uso de outros conhecimentos,seja do mundo ou do meio acadêmico.


Valdelice Nunes
Campinas, SP 
Julho/2022

#Jøfráseø_Editora

quarta-feira, 20 de julho de 2022

Uma História: Inúmeras Versões


Resolvi escrever sobre a história do mundo,mas com uma abordagem bem pessoal dos fatos. Eles podem ser acessados nos livros,nas enciclopédias virtuais e físicas. Nas notícias de jornais,sites e revistas. Isto é,podem e devem ser estudados. Mesmo quem não se tornou cientista das religiões conhece algo relacionado.
Ainda há muito a se conhecer,nem tudo está disponível para todos. Ainda há muitos relatos sobre livros secretos,sociedades secretas e muitas teorias conspiratórias.
E se a história que você conhece não for a verdadeira?
Deus governa o universo sozinho?
Por que o patriarcado ganhou força ao longo dessa história ainda não esclarecida?
Sabemos que as escolas, cursos em geral,as universidades e as religiões usam da doutrinação para disseminar aquilo que lhes é conveniente.
Como numa empresa há um regimento interno e quem não se adequa não pode fazer parte do corpo de funcionários. Esta tem sido a regra que rege todos setores das sociedades: seguir os preceitos.
As narrações bíblicas geram infinidades de questionamentos.
Só para informar,eu creio em Deus e a Bíblia tem relevância na construção daquilo que sou.
Contudo,isso não me impede de buscar outros conhecimentos.
Minha fé me proporciona segurança para ir aonde eu sentir que devo. Ela não me limita. O limite vem das religiões,pois é preciso seguir os dogmas.
A própria Bíblia diz que é preciso saber a verdade, somente ela liberta o homem. E eu nunca fui de me contentar com qualquer história que me contam. Como Tomé eu quero ver/sentir e quero ter minha própria visão dos acontecimentos.
Cada vez que leio um mito,um conto,um provérbio,um livro de conteúdo filosófico ou que fala de outras fés,tenho ainda mais certeza da grandeza do Criador e de suas intervenções para nos manter informados sobre sua existência e do seu amor incomparável,ao longo da trajetória humana.
Por isso vos convido a refletir sobre o que te contaram sobre Deus,a história da humanidade e as religiões.
Por que há tantas divisões de uma religião dita cristã?
Por que meu semelhante é inferior se não compartilhar da mesma crença que eu?
As interpretações das Escrituras se tornaram um meio de vida para pessoas sem escrúpulos. A Bíblia é o livro mais vendido do mundo. Traduções e designer para todos os gostos, idades e necessidades.
Como pessoa que escreve, sou leitora dela e gosto muito de alguns dos livros que compõem o cânone.
Quem já leu meu blog deve ter visto referências minhas sobre ela na minha evolução na escrita.
O Mestre disse que ele é o caminho,a verdade e a vida. Sem ele ninguém chegará ao Pai.
A missão dele foi mostrar um Pai que ama e deseja a salvação de todos. As boas novas que ele pregou foram para contemplar gentios e judeus.
Ele não veio negar a lei,porém mostrou-a como desnecessária após suas declarações acerca do Reino Celestial,do qual todos os que creram e creem fazem parte.
As religiões têm feito segregações em nome de uma verdade que somente eleitos tomam parte.
Ao meu ver isso é um completo absurdo,e não que a história tenha sido contada com abreviações. Ou seja,a Bíblia usa de linguagem mais compreensível para cada povo,em diferentes gerações. 
Ela foi escrita por homens que assinaram ou não a co-autoria,por ter a "inspiração divina".
De forma bem resumida,o Antigo Testamento nega o Deus amoroso do Novo Testamento. Porém,ambos carregam Jesus Cristo como mensagem central. Foi isso que tornou tais livros autênticos para compor as Sagradas Escrituras.
Muitos outros livros ficaram de fora,por não estarem de acordo com a mensagem central contida nos livros do Pentateuco,nos demais livros incluídos e nos livros dos Evangelhos. Os que foram censurados e (quase todos) destruídos são os chamados apócrifos.
Eles mostram Jesus diferente do descrito em Mateus,Marcos,Lucas e João. No pouco que sei dos Evangelhos Apócrifos há uma outra linguagem nas mensagens de Jesus e de outros dos seus apóstolos e elas não estavam de acordo com as necessidades do Imperador Romano e das autoridades religiosas daquela época. Nem com a dos muitos líderes religiosos, também ligados ao cenário político dos dias atuais.
O Cristianismo foi oficializado já que o seu crescimento não podia ser contido.
E como conter um povo que aderiu aos ensinamentos cristãos?
Por meio de um líder religioso. A história vive se repetindo,não importa a época. E para dominar é preciso centralizar o poder.
As religiões dominam a todos que não querem buscar a verdade. E essa verdade se apresenta sob muitas faces,de acordo com cada cultura.
É por causa da cultura que muitas interpretações são feitas, até os dias de hoje,de maneira equivocada.
Ainda vivemos Concílios para definir o que é permitido e o que é aberração. O Cristianismo é rodeado de milhares de outras religiões. E dissensões dentro da própria igreja.
Niceia,Éfeso e Constantinopla foram apenas os primeiros de tantos momentos de debates entre lideranças religiosas.
Poucos se permitem afirmar que a história está mal contada. Outros dizem que a verdade vai eclodir a qualquer momento.
Já pensou ser semelhante ao Criador por ter sua natureza divina e não seu aspecto físico?
O que os Concílios escondem ao longo dos séculos?
O fato é que há inúmeras discussões para estabelecer de uma vez por todas o caráter divino dos livros das Sagradas Escrituras (por ter sido ditados pelo Espírito Santo) e da essência puramente divina de Jesus Cristo. O homem que morreu na cruz era ser divino, superior aos demais humanos. Como nos mostra a Bíblia.
Mesmo assim o Cristianismo é um sincretismo onde cada um pode pregar o que acredita nas instituições de acordo com "bases bíblicas" para atuar e direcionar a fé dos seus respectivos rebanhos.
Além de fazer inquisição,sim. Fazem isso ao separar as pessoas com boas ou condutas inadequadas. É preciso ter o perfil santo. Para não corromper os preceitos que estabelecem.
Seguir os dogmas de uma instituição, seja ela religiosa ou não, é uma escolha sua ou minha. Já ter fé e não deixar que as crenças criem barreiras é fazer uso da razão.




Valdelice Nunes
Campinas, SP
Julho/2022
*imagem* Pinterest



https://poetizarpravariar.blogspot.com/?m=1 


sexta-feira, 15 de julho de 2022

Afastamento Pessoal (9)


O ambiente silencioso
As paredes trêmulas 
No ritmo da chama

Ela nunca tinha feito algo assim
Preparar o quarto para um momento
Tão íntimo…apenas seu!

Cama bem forrada
Rodeada de travesseiros
Vela sem aroma
Envolvida no carinho do edredom 
Amor próprio,entendeu o propósito.



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Julho/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora

sexta-feira, 8 de julho de 2022

Rua Só O Amor Constrói


Naquela casa simples
Naquele ninho de erupção 
O amor não se construiu
Apenas acendeu o fogo do tesão

Foram momentos vividos com intensidade
Foi um misto de ternura com maldade
Não sei como distinguir
Foi um sonho na realidade.

Foi o que deu para viver
Parecia tão verdadeiro
A entrega,a fusão dos corpos…
Uma linguagem que somente entendia o nosso abraço.

Você parecia ter a chave secreta
Para me trazer de volta dos mortos
O que importa é o que se desconstruiu 
Uma mulher insurgente surgiu!



Valdelice Nunes
in Esboços Subtraídos
Campinas, SP 
Julho/2020
*imagem* Pinterest 


#Jøfráseø_Editora

sexta-feira, 1 de julho de 2022

Trilhas de Descobertas

Assim é a vida,uma trilha de Descobertas. Porém,elas não são programadas. Isto é,não é aquele passeio numa Área de Proteção Ambiental (APA), sob a supervisão de um guia que mostrará os desafios do caminho e a importância de respeitar o lugar.
Sair de uma cidade para outra,morar longe de sua terra natal. Consiste em tomar decisões,uma mudança de posição,uma busca por uma melhor qualidade de vida.
É difícil,exige renúncias. Pede determinação.
Contudo é preciso ousar,encarar os desafios,os preconceitos e a falta de compreensão daqueles que só sabem julgar.
Quem fica também renuncia algo,seja por medo ou por necessidade.
Quem vai só deve agradecer o lugar de onde veio e pedir coragem para prosseguir grato por tudo que já teve,ao mesmo tempo consciente daquilo que ainda pode conquistar.
Porque nem sempre sair é fugir. Muitas vezes começa sem nenhuma pretensão além de viver e de sentir outros modos de vida.
Assim,corre-se riscos. Um deles é sentir-se bem onde está e não sentir necessidade de retornar.
Sem detonar as dificuldades do lugar de onde saiu,fazer valer a escolha tomada e deixar-se abraçar pela nova terra,pela vida com novos desafios que virão.
Pois,em muitos casos,onde se está não é o seu lugar. As pessoas que te rodeiam não se importam contigo. Te querem bem,de preferência sem precisar delas para nada.
Então só resta seguir,caminhar até encontrar aquele lugar onde realmente sentirá que pode e quer ficar.



Valdelice Nunes
Campinas, SP
Julho/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora

sábado, 25 de junho de 2022

Manias de Leitor



Janela lateral escancarada
Postura encurvada
Pela leitura sou carregada
Até a luz do sol ser apagada

Sou leitora vagarosa
Se a letra for dificultosa
Já fico um tanto fastidiosa
Não suporto leitura forçosa

Leio e releio contos com marmotas
Tudo parece horas mortas
Espalhada na cadeira preguiçosa
Me deparo com figura curiosa

Leitura,para mim,só vale assim
Preciso está inteiramente afim
Do contrário fica ruim
Então,começo a atrasar o fim


Valdelice Nunes
Campinas, SP
Junho/2022
*imagem* Pinterest
#Jøfráseø_Editora

segunda-feira, 20 de junho de 2022

A Colheita



Sei,parece absurdo. Mas eles não fazem (apenas) por impulso. Nem sempre é por pressão. Cada caso é único. Não há regras nem exceção.
Estudos são feitos com base em comportamentos que se parecem. Contudo,há pontos que divergem. Ninguém pode dar o parecer final.
Todos os casos afrontam às religiões e às ciências do comportamento humano.
Os doutores da mente não encontram respostas. As parcas certezas se dissipam.
Teorias são teorias, possíveis verdades. A verdade,quem realmente sabe?
Nos muitos casos é uma escolha ou a certeza de que não há nada de bom para os fazer continuar aqui.
Não importa se têm "tudo" ou se o pouco que têm é suficiente para viver.
É uma escolha. Uma decisão como outra qualquer,que leva tempo. É amadurecida,cada detalhe pensado: a roupa,o local,que instrumentos usar. Se será rápida ou lenta…
Tudo organizado. E o recado será dado aos que ficam. Aos que prestarem atenção.
Também não é por falta de fé,na verdade,ela sustenta cada sentimento em relação ao que não vale mais a pena. Ao que nunca foi de verdade.
Por isso,não seja juiz. Seja compreensão. Seja amor, independentemente da escolha alheia.
Não os julgue covardes,ou doentes mentais. Vítimas da falta de domínio emocional. Se julga mesmo senhor das suas emoções?
Todos temos dias ruins e noites intermináveis. Demônios a exorcizar e feridas na alma.
Não há perguntas sem respostas.
Talvez você não goste da pergunta e a ignore. Talvez você nem ouviu quando a pergunta foi feita.
Não seja juiz! Não sinta-se acima dos demais!
Se você ainda não notou,a incompreensão tem ceifado vidas. E faz tempo que essa devastadora colheita começou. 


Valdelice Nunes
Campinas, SP
Junho/2022
*imagem* Pinterest

#Jøfráseø_Editora

segunda-feira, 13 de junho de 2022

Curiando


Da janela,ela olhava…
Mal amanhecia
O que ela via?

Espiava
Sorria
Que será que via?

Que parte dos fragmentos
De tantas vidas
Ela compartilhava?

Olhando vidas
Através da janela
Nem percebia,sua vida passava.

Valdelice Nunes
Campinas, SP
Junho/2022
•imagem• Pinterest
#Jøfráseø_Editora

domingo, 29 de maio de 2022

VIVENDO A LENDA

Reais na diversidade
São mulheres em diversas realidades
São suas singularidades

As artes idealizam o belo
As mídias selecionam a beleza comercializável
Adicionando filtros
Projetam estilos de vida personalizados

O que é feio?
O que é aceito?

O perfeito é ser real
Corpo não é questão de gosto
Beleza não é lenda
Vidas não são faz de conta

O que é belo?
O que não é normal?
O que é íntimo e o que é global?

Cada mulher tem beleza própria
O Grande Escultor as modelou originais
Nas suas características físicas 
São dimensões, linhas,formas
Volumes,texturas só delas…

Não estão numa competição
De "a mais bela"
Ou a única desejada.


Valdelice Nunes
Campinas, SP
Maio/2022
*imagem* Pinterest

domingo, 22 de maio de 2022

MERLIX#_DeusComigo

Agradeço sua misericórdia
Bendito seja seu nome
Confio em ti,venha o que vier!
Desfruto da melhor companhia
Ele é o alimento que sacia a fome
Força para o mal combater

Oração é penitência de alegria
Preciso matar o que me consome
Quero em ti renascer

Força para o mal combater
Ele é o alimento que sacia a fome
Desfruto da melhor companhia
Confio em ti,venha o que vier!
Bendito seja seu nome
Agradeço sua misericórdia

Quero em ti renascer
Preciso matar o que me consome
Oração é penitência de alegria

Valdelice Nunes
Campinas, SP
Maio/2022
*imagem* Pinterest

MERLIX ESTILO POÉTICO
CRIADOR MERLIN MAGIKO


terça-feira, 10 de maio de 2022

D'lírios


E quando vejo lírios

Vejo como miragem

O semblante calmo

O coração aberto

O vento mistura

Os pensamentos

Toca os lírios

Espalha um 

Delicioso perfume

Tão requintado

Tão macio

Tão abandonado

No meio da praça

Na madrugada de Outono

Abrindo o cálice

Exalando

Lembranças

Daquela inocência

De uma vida breve

Tão leve ao vento…



Valdelice Nunes

*imagem* Pinterest

sábado, 30 de abril de 2022

Cantiga de Amor 11



A colheita do verdadeiro amor
Concedida pelo Criador
Nascerá do beijo da justiça
 com a paz

A lealdade brotará da terra,a perfeita justiça vai descer do Céu
Escreveu o salmista

A colheita será farta
A justiça segue adiante,prepara o caminho
O mundo viverá a paz
O amor estará nos corações
O sofrimento não encontrará espaço

Toda a terra
Celebrará o nome do Senhor
O mundo que geme de dor
Entoará hinos de amor.


Valdelice Nunes
•imagem• Pinterest
#Jøfráseø_Editora


sábado, 23 de abril de 2022

Continhos tontos


É só abrir o livro
E mundos surgem
A me sugar

Às vezes estou em terra firme
Noutras vezes,flutuando no mar

São tantas emoções
É mais que divertimento
Tudo é tão louco!
E me deixa segura
Aportando na próxima aventura

Basta abrir o livro
E não existe nada escondido
Estou onde eu quiser
Arrastada pelos ventos 
ou pelas marés


Valdelice Nunes
 👉🏻imagem👈🏻 Pinterest
23 de Abril Dia Mundial do Livro


📢 Continhos tontos é um dos meus projetos no universo infantil.


quarta-feira, 20 de abril de 2022

Afastamento Pessoal (7)




Uma pessoa com fadiga
Acorda e dorme fatigada
É vida feita e desfeita de fadiga
E não falta quem diga:
"Isso ainda morre de tanta preguiça!"
É,não faltam especialistas.
Coitados dos não fatigados!
Não sabem nada dessa vida
Tanta gente vive morta,acreditando estar cheia de vida.
Com frases clichês:
"Vou beber e amar,ser feliz é o que importa!"
Silêncio, é a melhor resposta.
Aos que duvidam só posso dizer…não há o que provar,
nem preciso me esconder.
Estar viva não é provar o tempo todo que é igual,mas respeitar a maneira de cada qual.


Valdelice Nunes
•imagem• @galeriamariosoares

#Jøfráseø_Editora

sexta-feira, 15 de abril de 2022

Saber o passado é relevante?



Ao iniciar um relacionamento é sensato saber onde está "pisando". Entretanto,fazer da vida do outro um inferno pelo que viveu no passado não é nada saudável.
A pessoa está num outro momento e você está na vida dela agora. O que cada um viveu já passou!
Nada volta,nada continua como antes…a vida é um conjunto de instantes. Tudo muda. Na maioria das vezes só percebemos quando estamos distraídos.
Ou quando a vida nos dar "aquele sacode".
O passado só deve ter alguma relevância,se for para não permanecer nos mesmos erros . E antes de fazer qualquer julgamento,fique diante de um espelho e questione a si mesmo: sou mesmo digno de fazer isso?
Se você continua no passado,não abra a porta para ninguém. Resolva primeiro sua situação emocional. E somente depois se permita viver o tempo presente.
Não custa lembrar que o passado nos traz ao presente e visitá-lo é tão involuntário quanto respirar e piscar os olhos.
Enfim,são as vivências passadas que nos transformam nas pessoas que somos hoje.

Valdelice Nunes
>imagem< Pixabay.com

#Jøfráseø_Editora

quinta-feira, 7 de abril de 2022

Ecos



Meu corpo fala
Minha alma geme
Ecos da fêmea
Ressoam além do meu eu

Cada célula vibra
Buscando vida
Tudo em mim urge
Minha alma está faminta

Ecos a vibrar
Transportam
Sentimentos não sentidos
Converte-se em gemidos

Ocupa cada espaço
Todos os alaridos
Os sons mais incompreensíveis
Uma nova mulher surge
Quando ouço o meu silêncio




Valdelice Nunes
*imagem* Lana Rodrigues @lanailustra
#Jøfráseø_Editora

sábado, 2 de abril de 2022

Afastamento Pessoal (6)



E quando esqueci de lembrar o que ia fazer
A vergonha me toma, difícil conviver
Muita gente nem percebe,porém a maioria olha torto
Um misto de vergonha e desgosto
Quando saio e deixo a chave onde não sei…
Quando na hora de pagar as compras o dinheiro não dá
Esqueci de lembrar ou acreditei que daria para comprar?
Tem dias que verifico se fechei direito a porta
E repito a ação tantas vezes!
Loucura ou mania?
Não deseje viver isso nem no fim dos seus dias!
É horrível viver se apalpando para confirmar se esqueceu a máscara,as chaves,algum documento…
Se desligou o fogo
Se fez a lista das prioridades do dia
Não,isso não acontece com pessoas que passou dos setenta
Acontece com muita gente que está muito longe dos quarenta
Dar voltas pela casa para lembrar o que precisa fazer
Repetir o tempo todo,ações e palavras
Ouvir as pessoas repetir:
Tão nova,se fazendo de coitada!


Valdelice Nunes
•imagem• Pinterest

📣 Os textos 4 e 5 estão postados no Instagram /Facebook

#Jøfráseø_Editora

domingo, 20 de março de 2022

Escadaria




Onde terminaria?
Degraus sombrios
Naquela casa em ruínas

Daria, aquela janela
para a rua?
Onde tudo acabaria?
A sala fria
tão vazia

Em que ponto
os degraus se encontrariam?
Por que subir ou descer
pela escada?
Para que mexer nas memórias
que parecem intocadas?
As janelas embaçadas
A vida perdeu a essência
E tudo parece o que aparenta

Onde terminaria
a escada?
A história estaria
acabada?
Outra história
Abrigará estas paredes
Após ser reformada
Soterrada.


Valdelice Nunes
*imagem* @volverapintar (Frederico Guerreros)
#Jøfráseø_Editora

domingo, 6 de março de 2022

Cantiga de Amor 10



Ébano meu
A saudade não tem fim.

Senhor meu
Tenha compaixão de mim!

A saudade mora aqui
Não há saída possível
Dono do meu desejo
Mendigo o teu beijo.

Sou fiel criada
Não me açoites
Com tanto desprezo!

Ébano meu
Tenha compaixão de mim
Arranca estes grilhões
Dê-me sua mão
O amor é libertação
Que aprisiona.


Valdelice Nunes
•imagem• PaPi (lupi)
#Jøfráseø_Editora

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2022

Meu Nordeste



Meu lugar tem cultura
Gente forte…sem besteira
Gente com alma pura
Força da nação brasileira
Meu povo tem leitura
Aqui não falo besteira!

Poetizo minha raíz
Na voz falada ou escrita
Sou repentista feliz
Nem ligo,se não acredita!
Se eu escutar tudo que se diz...
Não sou de mente restrita.

Tentei fazer um cordel
Mostrar o valor do meu povo
Registrei aqui no papel
Bato no peito de tanto gosto
O Nordeste é uma babel
Berço de um povo bem-disposto.

Escrevi um repente
Sem métrica rigorosa
Finalizo toda contente
E de mim orgulhosa!
Para a indiferença dessa gente
Sempre teremos boa resposta.


#Jøfráseø_Editora
*imagem editada por Raimunda Lucinda Martins

https://poetizarpravariar.blogspot.com/?m=1



quinta-feira, 24 de fevereiro de 2022

Ameaça



Antes da ação humana na natureza
Todos,mesmo em diferentes hábitat
Viviam em harmonia
Regidos pelas leis naturais

Cada espécie tem forma peculiar 
de marcar o território
E atacam para obter seu alimento
Ou quando se sente ameaçada

Nas diferentes sociedades
Ocorre algo muito semelhante
Agridem ou são agredidos
Quando bate a insegurança
Quando são de algum modo intimidadas

As pessoas agem por instinto
Ou por vaidade
Quando sentem alguma ameaça
Que as tirem do centro
Que incomode sua zona de conforto

Contudo,esquecem a lei magna do Criador
"Amai uns aos outros,como eu vos tenho amado"
 
O amor do Altíssimo move o mundo
E deveria está em cada coração
Ele nos criou diferentes
Mas não para a competição

O princípio da criação
Se baseia no da igualdade
Todos somos frágeis, perecíveis
Todos somos capazes de vencer
Cada uma das nossas limitações

Para outras espécies o habitat
É o lugar onde vivem e se desenvolvem
Para a espécie humana
Todo o globo é o seu lar
Os humanos querem ganhar o mundo
Querem está em todos os lugares
Quebrando a lei natural
Sentiu porque eles veem ameaças
Vindas de todo lugar?

Toque de Recolher

Houve um tempo em que todo o Planeta Terra foi convocado ao confinamento. Ninguém devia andar nas ruas sem um motivo plausível,p...