sábado, 11 de fevereiro de 2017

Ele


Veio assim de repente
Inocente
envolvente
Ah,aqueles olhos!
E aquela boca?!
Sei lá...fiquei meio boba
sob a chuva
rasgou minha blusa
Aah...Ele me deixa confusa
me usa!
Abusa desse meu coração
Como vírus se espalhando
nossos corpos se conectando
Inflamando
me conduzindo a cada toque
seduzindo
gemendo
Fervendo os sentidos
como Ele é atrevido!
Me tem toda
mergulhada num rio de suor e saliva
Gosto de ser conduzida
desde que Ele entrou em minha vida

Rotação

Cedinho cantou o Vento assim: – Hora de sorrir! As flores todas faceiras, ajeitando a cabeleira. Saudavam toda a Natureza, feliz...