domingo, 26 de janeiro de 2020

Ela Está

No sorriso inocente de seus bisnetos
No cuidado
Em cada oração que fazia
No  colorido do lar
No travesseiro perfumado
Na cama com lençol florido
Na mesa posta com sabor incomparável
Nas plantas regadas
Nas paredes
Nas molduras
Na capa do sofá
Nas chícaras bonitas
Nos pratos lavados
Na cadeira de balanço
Sentada na calçada
Tomando um deforete
Quem conviveu com Ela
Terá sempre o que lembrar
Porque Ela não sai de mim
Nem deixo que saia
Quero rir,gargalhar
Falar alto
Brigar com o povo nas novelas
Quem assistiu com ela
Sabe o quanto se envolvia
Se entregava
Torcia
Avisava
Ela foi intensa
Foi do jeito que só Ela tinha

sábado, 18 de janeiro de 2020

Sonhei

Sonhei com o passado
Sonhei com um possível futuro
O passado eu não desejo
No futuro não tenho esperança

O que passou
Não pretendo repetir
Mas o que fazer daquilo
Que ainda não vivi?

Sei como o passado beija
Como mente
Como não me respeita

Quero ser beijada
Amada,saciada
Pelo futuro desejada

No sonho ele me beijou
Me apertou
Porém,algo incomodou
Acordei

Sei lá...
O futuro está flertando comigo
Me convidando a viajar
Desvendar

Despertei
Percebi
Querido futuro
Temos um mundo a descobrir!


quarta-feira, 8 de janeiro de 2020

A mágica dos versos

Estrofes
Rimas
Minicontos
Um livro com a magia
De combinar palavras
Num universo rimado
Expressão
Imaginação
Folhas em branco
Desalinhadas
Folhas para rabiscar
Colorir
Sem sumário
Dispensa apresentação
Criar
Poetizar
Deixar as emoções fluir
E os sentimentos inundar


Indico este livro que me inspirou a escrever o poema acima. Leio-o sempre para meu neto Gabriel.
Autor:Paulo Neto
Ilustrações: Girotto
Título: Poesia Mágica
Editora:Ciranda Cultural

domingo, 5 de janeiro de 2020

Falo com Deus

Em toda situação
Ele, somente Ele
Conhece meu coração
Sem ritual
Peço
Agradeço
Comento
Confesso
Com alegria
Com desespero
Me entrego
Sinto seu carinho
Afagando meus cabelos
Leveza
Pureza
Zelo
O tempo inteiro
Sua infinita compreensão

Rotação

Cedinho cantou o Vento assim: – Hora de sorrir! As flores todas faceiras, ajeitando a cabeleira. Saudavam toda a Natureza, feliz...