segunda-feira, 1 de abril de 2024

Divindade


Era uma vez menino belo
não ligava pra nada,
Trancafiado num templo de mistério.

Ele era como Narciso
enamorou-se dele mesmo,
Sofria da síndrome do indeciso.

Não sabia o que fazer durante o dia
se iria ver amigos ou parentes
Estar consigo mesmo,o fazia contente.

Diante do espelho respirando vaidade,
o menino até sofria…
Quem entenderia aquela cumplicidade?

Será que no mundo haveria,
outro indivíduo que tanto se adorasse?

Era uma vez um belo menino
descobrindo que
Amar-se era o seu destino.



Valdelice Nunes
Abril/2024
*imagem* Pinterest 


https://www.facebook.com/Valdelicenune
 @valdelicee.nunes

3 comentários:

" R y k @ r d o " disse...

Poema deslumbrante que muito gostei de ler. Grato pela gentil partilha. Cumprimentos poéticos

Jovem Jornalista disse...

Belas palavras. Obrigado por compartilhar.

Boa semana!

O JOVEM JORNALISTA está no ar cheio de posts novos e novidades! Não deixe de conferir!

Jovem Jornalista
Instagram

Até mais, Emerson Garcia

hanna disse...

Muy bonitas letras. Beso

Tela Mental

Narrador: Naquela tarde abafada de outono,o aluno curioso olhava a folha com sua atividade. Porém,fazia questionamentos que nada...